quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Achei na Net


Crescem em 200% o número de divórcios registrados no país


IBGE mostra que foram concedidos 179.342 divórcios no ano passado. Em RC foram 367 divórcios para 1.075 casamentos


- A taxa de divórcios no Brasil subiu 200% entre 1984 e 2007, segundo dados da pesquisa "Estatísticas do Registro Civil 2007", divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No período, o índice passou de 0,46 divórcio para cada grupo de mil habitantes para 1,49 divórcio por mil habitantes. Em números absolutos, os divórcios concedidos passaram de 30.847, em 1984, para 179.342, em 2007.Ainda de acordo com o estudo, no ano passado, em 89% dos divórcios, a responsabilidade pela guarda dos filhos ficou com a mulher. A análise do IBGE aponta que a elevação da taxa no período considerado revela uma gradual mudança no comportamento da sociedade, que passou a aceitar o divórcio com maior naturalidade. Além disso, houve um aumento na procura pelos serviços de Justiça para formalizar a situação de dissolução do casamento.Em Rio Claro, foram registrados em 2007 pelo IBGE 1.075 casamentos, 320 separações judiciais e 367 divórcios.Para o presidente da OAB Rio Claro, William Nagib Filho, o aumento no número das rupturas de relacionamento acontece devido à dificuldade sócio-econômica enfrentada pelas pessoas, bem como pelas facilidades em fazer a separação. "Uma das facilidades é que as pessoas podem ir direto nos cartórios para o divórcio, não precisam se valer do judiciário", diz."Isso é uma questão social, as pessoas não querem assumir compromissos e a qualquer dificuldade decidem pela separação", diz Nagib.Para o advogado Fábio Perin, o divórcio acaba sendo o produto dos conflitos vivenciados pelos casais. "As pessoas estão desalinhadas e a tendência é acontecer a separação", fala. "Hoje não se têm tentativas de resgatar o casamento, os conflitos sociais, o estresse, e a facilidade na hora de fazer a separação influenciam esses números", diz.Ele acrescenta ainda que as pessoas hoje em dia têm mais acesso aos meios judiciais, como a Assistência Judiciária Gratuita, mais acesso às informações, e conhecem seus direitos.Segundo a psicóloga Cristiane Sargaço Teixeira Brunellias, as pessoas atualmente estão com muita dificuldade de lidar com os problemas que surgem no relacionamento, "os problemas normais que podem surgir numa convivência a dois - e aí, os relacionamentos passam a ser descartáveis, surge dificuldade, então separa, troca-se de parceiro, é a solução pela qual muita gente opta", diz.Ela destaca que a separação está relacionada a inúmeros fatores e uma das alternativas é a terapia de casal: "ela é uma alternativa fantástica para ajudar o casal aprender a lidar com o casamento e com o cônjuge", salienta. Ela afirma que poucos casais se dispõem a cuidar da relação de uma maneira saudável como essa, fazendo terapia de casal.Mesmo assim, ela acredita que o divórcio também pode ser uma alternativa saudável, caso cheguem à conclusão de que é a melhor solução - após terapia de casal. "Mas é claro que o divórcio traz outros problemas e dificuldades, toda mudança (desse tipo) e processo de separação trazem conseqüências e sofrimento, principalmente se o casal em questão tiver filhos, eles devem ter muita cautela e preparo emocional para lidar com a separação e para orientar e acolher os filhos e os sentimentos envolvidos nessa nova etapa da vida de todos eles.


O casamento é como um número de trapézio, um precisa confiar no outro até de olhos fechados


Nenhum comentário:

Palco do artesanato

;

Voce mora

Corações

Os melhores Recadinhos do coração:
www.MiniRecados.com/recadinhos_do_coracao/


Coloque aqui seu email e receba atualizações

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Acredite que....

slides

slides

Eticas nos Relacionamentos ( de um duplo click para ver melhor)

Encontro com o desconhecdo

Arquivo do blog

Lista de Email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner